Internacional

Etanol é o combustível verde do futuro na Índia, diz ministro Puri

Redação TN Petróleo/Assessoria UNICA
16/01/2023 11:48
Etanol é o combustível verde do futuro na Índia, diz ministro Puri Imagem: Divulgação Visualizações: 42

O ministro de Petróleo e Gás Natural da Índia, Hardeep Singh Puri, visitou o espaço brasileiro no pavilhão dedicado ao etanol na Auto Expo 2023, um dos principais salões do automóvel da Ásia, aberto ao público nesta sexta-feira (13), em Greater Noida, a cerca de 42 km de Nova Déli. O ministro foi recebido pelo diretor executivo da Unica, Eduardo Leão de Sousa, e pelo diretor executivo da APLA, Flávio Castellari, além de representantes do setor privado indiano.

Durante a visita, Puri destacou a importância do etanol no processo de descarbonização do setor de transportes. Ele destacou o avanço, ao longo dos últimos anos, do percentual de mistura do biocombustível na gasolina, assim como a parceria com o Brasil para alcançar os bons resultados do programa, afirmando que o etanol é o "combustível verde do futuro na Índia".

"Esta jornada com o etanol começou há alguns anos. Em 2014, tentamos ter uma mistura de 5%, mas não tivemos sucesso. Contudo, hoje tenho o prazer de andar por essa exposição e ver que estamos com uma mistura de 12%. A hora do etanol chegou. E estamos celebrando as suas vantagens e contribuições positivas para o meio ambiente e o desenvolvimento econômico", comentou Puri.

Em 2021, a Índia anunciou a antecipação em cinco anos, para 2025, da meta de mistura de 20% de etanol na gasolina. Paralelo a essa iniciativa, começam a circular neste ano os carros com tecnologia flexfuel, com motores que funcionam tanto com gasolina quanto com etanol (E100), em qualquer proporção.

Centro de Excelência
A visita do ministro Puri marcou o lançamento do Centro Virtual de Excelência em Bioenergia (CoE), iniciativa da Unica em parceria com a Associação dos Fabricantes dos Automóveis Indianos (SIAM). Em 2022, as entidades firmaram um memorando de entendimento para promover o etanol nos dois países e contribuir com informações técnicas para que outras nações, com vocação para essa agroindústria, possam desenvolver a tecnologia. A SIAM também é a coordenadora do Pavilhão Etanol na Auto Expo 2023.

"Nossa parceria com a SIAM tem sido extremamente frutífera para garantir o sucesso do programa de etanol na Índia. Estamos extremamente felizes em dedicar o CoE à Índia e esperamos que ele ajude todas as partes interessadas a adquirir informações atualizadas sobre avanços tecnológicos, normas técnicas, regulamentos, políticas públicas e sustentabilidade relacionadas à biomassa e à bioenergia", afirmou o diretor executivo da Unica, Eduardo Leão de Sousa.

O presidente da SIAM, Vinod Aggarwal, disse que o lançamento da CoE apoiará e complementará os esforços dos governos na promoção da bioenergia, biocombustíveis e outros combustíveis de base biológica para a mobilidade com baixo teor de carbono na Índia e no Brasil. "Estamos confiantes de que o CoE ajudará as partes interessadas a compreender o etanol e as tecnologias disponíveis para permitir uma transição suave e eficiente", afirmou Aggarwal. "Gostaríamos de agradecer à Unica por seu apoio e esperamos uma parceria longa e frutífera", completou.

A apresentação do Centro de Excelência ganhou um espaço exclusivo e de destaque no estande brasileiro. O espaço Brasil na Auto Expo 2023 é promovido pela Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar e Bioenergia), APLA (Arranjo Produtivo Local do Álcool), ApexBrasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) e Ministério das Relações Exteriores, por meio da Embaixada do Brasil na Índia.

A área tem 250 metros quadrados e reúne três seções, nas quais o visitante poderá interagir com elementos desenvolvidos para trazer experiências e conhecimentos sobre os benefícios do etanol para o meio ambiente, a saúde das pessoas e para melhorar a qualidade do ar nas cidades.

Bilaterais Brasil-Índia
Nesta semana, a Unica e a APLA também participaram de uma intensa agenda de reuniões para fortalecer a cooperação entre os países na área de bioenergia. Entre as bilaterais, destaca-se encontro com o Sous Sherpa da Índia no G20, Abhay Thakur, e com representantes do Departamento de Alimentos e Distribuição Pública, do Governo da Índia. O diálogo, acompanhado por representantes da Embaixada do Brasil na Índia, estimulou uma maior colaboração entre os dois países na área de etanol e biocombustíveis.

"Tivemos reuniões excelentes, tanto com o governo quanto com o setor privado. Todos destacaram a importância do apoio do Brasil nos avanços do programa etanol, uma agenda que traz grandes oportunidades para a indústria indiana", comentou o diretor executivo da APLA, Flávio Castellari.

Projeto ApexBrasil
A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) e a Unica tornaram pública em fevereiro de 2008 uma estratégia para promover a imagem dos produtos sucroenergéticos no exterior, em especial do etanol brasileiro como uma energia limpa e renovável. As duas entidades assinaram um convênio que prevê investimentos compartilhados. O projeto pretende influenciar o processo de construção de imagem do etanol e demais derivados da cana-de-açúcar junto aos principais formadores de opinião mundial -- governos e meios de comunicação, bem como empresas de trading, potenciais investidores e importadores, ONGs e consumidores.

Mais Lidas De Hoje
Veja Também
Newsletter TN

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.