Energia renovável

Aprendizado sobre a energia renovável é um dos principais benefícios do Fórum GD - Região Centro Oeste, diz especialista

Evento que esta acontecendo em Campo Grande, Mato Grosso do Sul bateu a marca de 30 mil pessoas capacitadas ao longo dos seis anos de evento

Redação TN/Assessoria
11/08/2022 16:58
Aprendizado sobre a energia renovável é um dos principais benefícios do Fórum GD - Região Centro Oeste, diz especialista Imagem: Divulgação Visualizações: 82

A produção de energia limpa vem ganhando força em várias regiões no Brasil. Um exemplo disso vem da décima quinta edição do Fórum Regional de Geração Distribuída na região Centro Oeste (Fórum GD - Centro Oeste), o qual está acontecendo esta semana em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.
 
Focado na produção da micro e mini geração de energia, o Fórum GD tem sido visto por diversos especialistas do setor como uma excelente ponte de oportunidades renováveis. Para Guilherme Chrispim, presidente da Associação Brasileira de Geração Distribuída (ABGD), o evento é uma forma de aprendizado sobre a energia renovável, pois é um espaço bastante significativo, no qual existe conversa sobre as fontes alternativas e assim ensinamento a todas as pessoas que estão participando.
 
"Quando você tem um espaço como este e conversamos bastante, esses dois dias e meio de evento são a oportunidade para que todos que estão na região possam aprender sobre a energia renovável" comenta Chrispim.
 
Outra oportunidade reforçada pelo especialista diz respeito a do conhecimento e networking, visto que muitas pessoas passam pelo Fórum e trazem consigo suas experiências no setor de geração distribuída.
 
"Outra oportunidade que se tem também é a de conhecimento, de networking, de encontrar e de conhecer pessoas. De conhecer um fabricante, um distribuidor, um prestador de serviços, seja ele do setor financeiro, seja ele de serviços para as usinas para as demais fontes de energia, então é sempre muito bom assim todas essas oportunidades que nós temos nos Fóruns GDs" afirma o especialista.
 
Chrispim ainda destaca que pelo formato ser regional, ou seja, realizado em várias regiões do país ao longo do ano, facilita bastante o acesso dos investidores ao setor.
 
Quem também comentou o assunto é Tiago Fraga, CEO do Grupo FRG Mídias & Eventos, empresa organizadora do Fórum. Na ocasião ele ressaltou que a edição realizada em Campo Grande está surpreendendo a organização, tanto na questão do poder público como todos os envolvidos na cadeia produtiva do setor.
 
"O evento que está acontecendo aqui em Campo Grande está nos surpreendendo de uma forma muito positiva em todos os aspectos,  desde o que diz respeito ao engajamento do poder público, ao apoio das entidades representativas do setor energético e também da participação dos congressistas como um todo" afirma Fraga.
 
O especialista ainda reforça o potencial do estado do Mato Grosso para a geração de energia solar fotovoltaica devido à presença do sol.
 
"É um estado com um insolação muito forte. Tem sol forte aqui durante todo o ano, então com certeza o agronegócio que é a principal atividade do estado pode se beneficiar muito com essas vantagens da geração própria de energiao, seja para um comércio, seja para uma residência ou até mesmo para uma indústria" finaliza Fraga.

Mais Lidas De Hoje
Veja Também
Newsletter TN

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.

7